3 de dezembro de 2008

Esperando alguém especial

.

Cresci em Pato Branco, onde ainda vive a maioria de meus familiares, mas precisei morar fora do Estado e também do País para, hoje, perceber que meu lugar é o Paraná. E Maringá teve papel fundamental nessa (re)descoberta. Tem muitos problemas para resolver - que município brasileiro não tem -, mas é para mim a cidade mais bela do Paraná.

Quando cursava o 2º grau no Cefet de Pato Branco, ouvia meu irmão do meio falar que gostaria de morar em Maringá, sentença repetida por ele dezenas de vezes. Suspeito que ele tenha, no passado, conhecido uma das incontáveis belas maringaenses e aí cismou que moraria por aqui. Contudo, foi o sortudo aqui quem teve o prazer de parar nessa encantadora cidade.

Como sei que meu irmão ainda mantém certa admiração por Maringá, e querendo que ele venha me visitar antes do final do ano, resolvi apelar. Aí, nada melhor que uma imagem da Catedral Basílica Menor de Nossa Senhora da Glória, enfeitada como de costume para o natal, para trazê-lo a Maringá.

Só espero que ele veja essa postagem. A bela foto é do colega de redação Rafael Silva, um fotógrafo meio pirado, porém, muito gente boa.
.

Nenhum comentário:

Quem está na cola do LF